O médico francês Dr. Jérôme de Lejeune, foi o primeiro presidente da Pontifícia Academia para a Vida, criado pelo Papa João Paulo II e que tem como missão promover e defender a vida. Dr. Jérôme foi pediatra e geneticista, foi ele que descobriu a Síndrome de Down, e por isso é considerado o pai da genética moderna. O mais impressionante na vida do Dr. Jérôme é o fato de ter ele amado as crianças com síndrome de Down, a ponto de ter sacrificado a própria vida em exaustivos estudos, para descobrir como oferecer alívio para estas crianças.

A França, deu as costas a extraordinária contribuição do Dr. Jérôme que é filho desta mesma nação, ao usar nos dias de hoje a tecnologia para abortar crianças com Síndrome de Down. Na França 77% dos bebês diagnosticado através de ultrassonografias, e que apresentam Síndrome de Down, são abortados. Na Dinamarca, o aborto vitima 98% dos bebês com esta mesma síndrome e na Irlanda chegou até 100 % dos bebês com Down, serem abortados(1).

O Conselho de Estado francês chegou a proibir uma campanha de conscientização na TV, sobre a síndrome de Down, onde mostrava crianças com Down encorajando as mães, que descobriram na gravidez que o bebê tinha a mesma síndrome. Esta belíssima campanha mostrava crianças com Down, mas felizes, com uma vida cheia de sentido(2).

Durante três anos, duas vezes por semana, quando levava uma de nossas filhas para reabilitação, tive a alegria de encontrar-me com várias crianças e adultos com Síndrome de Down. Eles eram afetuosos e não poupavam sorrisos, cada vez que me via junto com minha filha. Os pais destas crianças não se envergonhavam delas, antes, se mostravam orgulhosos por seus filhos, e comemoravam cada vitória de reabilitação deles.

Acreditamos que os profissionais da saúde do Brasil, não se inclinarão a vergonhosa tendência de eugenia de alguns países da Europa, onde usam a tecnologia da medicina neonatal, para eliminar vidas.

Só quem tem na família sabe: que é uma graça especial ter um filho(a) “especial” .

Cleonice Macedo Kamer

(1) Fonte: https://www.semprefamilia.com.br/defesa-da-vida/horror-islandia-aborta-100-de-todos-os-bebes-diagnosticados-com-sindrome-down/

(2) Fonte: https://www.semprefamilia.com.br/defesa-da-vida/franca-proibe-video-sobre-sindrome-de-down-para-nao-ofender-quem-abortou-bebes-com-a-condicao/