Nenhum santo tornou-se santo porque ficou chorando sobre os seus ‘carvões’, mas pediu o fogo do Espírito Santo para tornar brasa a sua história.