Ele ressuscitou Verdadeiramente! Esta verdade é anunciada pelos apóstolos, está escrita nas escrituras, é anunciada por toda Igreja.

Sim, Ele mostrou suas chagas a Tomé, o fez colocar seu dedo no lado aberto. Assou peixes à margem do lago de Tiberíades onde, da barca, o discípulo amado gritou: “É o Mestre”, e Pedro se atirou nas águas em direção a Jesus. Ele cercou Paulo com sua Luz em direção a Damasco, falou com Ele, o chamou pelo nome: “Saulo, Saulo, porque me persegues?”. Viram Jesus subindo ao céu, e todos estes relatos são credíveis. O Espírito Santo desceu em Pentecostes, como línguas de fogo que repousaram sobre cada um deles, e os acompanhou com sinais e prodígios em toda a pregação da palavra, e ainda, na hora do martírio deu-lhes a graça que não é deste mundo. São, todos esses, luzeiros para toda a Igreja.

A pergunta que quero fazer é: E eu? Creio nesta verdade?

Soube desde da infância que Jesus Vive, que o Espírito Santo é o Amor do Pai e do Filho, mas precisei fazer a experiência dentro de mim, pessoal e intransferível, que me fez proclamar: “Sim! Agora eu o encontrei, Ele falou comigo!”.

Deus convoca pelo Batismo cada um de nós a sermos testemunha desta fé. Mas é preciso deixar-se envolver pela mesma experiência dos apóstolos. É tempo favorável, o Espírito Santo quer dar-nos pela oração este impacto; Jesus esta vivo! Dentro de nós, mas é preciso pedir… Batiza-me Espírito Santo, mergulha-me em tua Água Viva, enlaça-me em tuas asas. Coloca minha alma na chaga aberta de Jesus. Pedi e vos será dado. Buscai e achareis. Batei e vos será aberto!

Quando iniciava a missão de evangelizar como Carisma Oásis, tinha muita insegurança, medo de falar, as mãos tremiam,os olhos, enfim… e tudo isto me impedia de escutá-lo, de ser livre para dizer Dele, então Jesus me disse : “Gis, é preciso vir de dentro, da intimidade comigo, por isso, em tudo fala comigo, para que eu mesmo te ensine, de tuas profundezas emanarão rios de água viva e proclamarás sem medo o que Eu tenho dito ao pé de teu ouvido.”

Sim, Ele está vivo, e fala conosco nas escrituras, na Eucaristia, no dia a dia , e então, com as experiências através do diálogo com Ele, pude falar das coisas que vi e ouvi, assim como Pedro, Thiago, João, Felipe…. , somado ao conhecimento da fé, da doutrina, das escrituras. Hoje, minha maior alegria é anunciar Cristo, o Verbo se fez carne, sua Paixão e Morte e sua Ressurreição.

Sim, Ele está vivo, fala conosco e nos envia, com sinais e prodígios para que todos aqueles que escutam, sejam atraídos a Ele.